Açúcar ou fruta, o que comer?

0 Flares Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×

Fruta ou açúcar

Embora não seja minha especialidade, depois de ter recebido um enorme número de questionamentos sobre o açúcar, decidi aprofundar um pouco mais o tema.

Não irei abordar neste artigo, as possíveis questões psicoemocionais que levam muita gente ao consumo exagerado de açúcar. Para o Descondicionamento (DC), a partir do momento que você esteja equilibrado do ponto de vista psicoemocional, você mesmo fará automaticamente uma administração adequada do consumo de açúcar.

Consumimos açúcar de 4 maneiras, algumas sem que tenhamos total consciência disso. Adicionamo-lo a alimentos que nós mesmos confeccionamos ou, ao tomarmos café, chá, etc. Consumimos muito açúcar através de refrigerantes, pão, bolos, etc. Uma terceira maneira é através dos adoçantes artificiais com especial ênfase em dois verdadeiros venenos, o aspartame e o xarope de milho, geneticamente modificado. Por fim consumimos açúcar quando comemos por fruta ou legumes, sem dúvida a maneira mais recomendada de consumir.

os sucos de fruta naturais, apesar de serem caseiros e virem diretamente da fruta, não são tão bons como possa parecer. Ao longo do tempo estes sucos, tendem a causar os mesmos efeitos da frutose. A fruta tem muita fibra, e quando fazemos sumo de fruta natural e caseiro retiramos toda essa fibra e expomos grande quantidade de açúcar à absorção intestinal.

Mas afinal o que é o açúcar?

O açúcar é um produto utilizado principalmente para adoçar alimentos que de outra forma o seu paladar não convidaria a consumir… Antes de existir açúcar, tal como o conhecemos hoje, as duas únicas fontes de sabor doce no mundo eram: o mel e a cana.

A palavra açúcar é o termo popular que utilizamos quando nos queremos referir a carboidratos cristalizados comestíveis, principalmente sacarose, lactose e frutose. Em geral a palavra em si, refere-se mais à sacarose. Os outros açúcares são mais identificados por seus nomes específicos, glicose e frutose.

A sacarose pode apresentar-se de diversas formas: Açúcar mascavo ou açúcar mascavado (açúcar bruto), açúcar demerara, açúcar refinado granulado, açúcar refinado amorfo, açúcar cristal, glaçúcar, xarope simples ou açúcar líquido e açúcar orgânico

O açúcar branco consumido em excesso, acrescenta muitas calorias à alimentação, causando um desequilíbrio na sua saúde. Um dos principais é o aumento do peso. Com esses quilos a mais, aumenta o risco para o desenvolvimento de doenças cardiovasculares. Devem evitá-lo também, pessoas com tendência a desenvolver diabetes ou que já sofrem com a doença.

Alguns efeitos do açúcar no organismo são:

– Além de não alimentar, apenas drena do seu corpo e consume vitaminas e minerais;
– Quando ingerido com outros alimentos, aumenta a acidez estomacal;
– Afeta os órgãos, pois o excesso transforma-se em gordura, levando à obesidade e ao depósito de gorduras no fígado, coração e rins;
– No intestino destrói as bactérias benéficas, aumentando a população dos parasitas intestinais;
– Altera o equilíbrio hormonal e enfraquecer os ossos, acidificando o sangue.
– Enfraquece o sistema imunológico;
– Dificulta a digestão;
– Alimenta células cancerígenas.

Açúcar A

Devo consumir açúcar refinado ou açúcar mascavo?
O valor calórico dos dois tipos de açúcar é semelhante. A diferença é que o mascavo como não é refinado, contém vários nutrientes como minerais e vitaminas.

O açúcar refinado não contém nutrientes, apenas calorias. O seu consumo faz com que o nosso corpo tenha de ir buscar nutrientes vitais, de células saudáveis para metabolizá-lo. Este processo irá desgastando o organismo levando à acumulação no cérebro e no sistema nervoso, de resíduos tóxicos provenientes do açúcar,  acelerando a morte celular.

Assim, apesar de o açúcar mascavo conter mais nutrientes, não é igualmente recomendada a sua utilização. As vitaminas e minerais devem ser obtidos por outras fontes alimentares como, por exemplo, frutas, legumes e verduras.

Muitos dos alimentos que consumimos diariamente são suplementados com frutose.

O que é a frutose?

A frutose é um dos principais açúcares das frutas, junto com alguns outros existentes em maior quantidade como a sacarose e a glicose.

Porém a frutose que nos é prejudicial é aquela que está presente como adoçante, em vários produtos que consumimos diariamente, desde o ketchup ao refrigerante, passando pelos cereais, bolos, sorvetes, pães etc. Embora muitos acreditem que ela é um açúcar das frutas, ela é prejudicial porque é derivada do milho, na maior parte das vezes geneticamente modificado.

O excesso de xarope de milho (calorias…) leva a um aumento de peso indesejado.A frutose é a grande responsável pelo aumento em massa da obesidade, diabetes, doença cardíaca, fígado gordo, problemas cerebrais e do sistema cardiovascular.

Muita atenção também ao aspartame presente em muitos alimentos e um verdadeiro veneno para seu corpo.

Como reduzir o consumo de açúcar através de alimentos adoçados artificialmente?

A melhor maneira de reduzir a ingestão de xarope de milho e outros tipos de açúcar adicionados aos alimentos industrializados é olhar sempre os rótulos dos alimentos que você coloca dentro da sua casa, observando sua composição e quantidade de calorias.

Os açúcares adicionados aos alimentos aparecem nos rótulos com os nomes: xarope de milho, frutose, sacarose, glicose, adoçante de milho, levulose, mel e dextrose.

O ideal é limitar a ingestão desses ingredientes e manter o consumo de açúcar proveniente de frutas frescas. Assim, além de consumir um tipo de açúcar mais puro, você também aumenta a ingestão de fibras e antioxidantes.

Reduza bastante ou elimine o uso de refrigerantes.

Deixe de comprar doces enlatados em supermercados. Se quer continuar a consumi-los, escolha os doces caseiros preparados com frutas naturais e adoçados com pouca quantidade de açúcar.

Limite o consumo de ketchup, molho para churrasco, sopas empacotadas, etc. devido a seu alto teor de açúcar adicionado.

Lanches rápidos geralmente tem produtos com muito açúcar e sódio, não são o mais indicado para a saúde.

Quando for comer chocolate, escolha aqueles que tem no mínimo 70% de cacau.

Sobre os adoçantes

Você tem o hábito de utilizá-los? Com certeza você já sabe que adoçantes artificiais fazem mal à saúde, embora às vezes esses malefícios demorem anos a manifestarem-se. São substâncias que proporcionam a um alimento, o sabor doce, mas que não podem ser considerados como alimento.

Os adoçantes, podem ser divididos em dois grupos, os calóricos e os não calóricos. Um dos poucos recomendáveis é a Stévia que, foi enquadrada como adoçante, e é um produto natural oriundo de uma planta de mesmo nome. Faz-nos bem, sendo 30 a 100 vezes mais doce do que o açúcar refinado. Evita cárie e não é metabolizado no organismo. Ao comprar certifique-se de que adquire apenas a Stévia, sem aditivos como sacarina ou outros adoçantes artificiais.

Parece não haver melhor opção do que consumo de açúcar através dos alimentos naturais!

4 comentários sobre “Açúcar ou fruta, o que comer?

  1. Carmen Regina Dias

    Matéria da maior importância, inda mais nessa Lua Nova Ariana, pós final de minguante em Peixes…. descondicionamentos se fazem necessários. Muito lhe agradeço, Fernando. E estou compartilhando no face e twitter. Grande abraço.

  2. Fernando Baptista

    As grandes mudanças começam com pequenos detalhes… importante que obteve algumas melhoras no bem estar e até no peso!

  3. Renata Castro

    Oi Fernando,

    Eu utilizo o açúcar como tempero e, após este seu post, fui me observar e mesmo assim constatei que estava a ingerir açúcar e carboidratos devido à ansiedade.
    Não tenho hábito de comer frutas porque elas aumentam meu apetite, mas me forcei a ingerir frutas mais vezes ao dia. O resultado foi que senti maior bem-estar e disposição. Também obtive um leve emagrecimento apenas ingerindo mais frutas ao dia.
    Continuo usando o açúcar apenas como tempero ao tomar café, chás, fazer bolos… Alguns sucos já tenho por hábito não adoçar.

    Renata

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Flares Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×